Text Size
   

EMPRESÁRIOS BUSCAM MELHOR FORMAÇÃO DOS VIGILANTES

 

alt
Presidente do Sindesp-Ba , Paulo Roberto da Cruz
 Azevedo saudando os presentes no VII ENEFAV
Dezenas de empresários do segmento da segurança privada estão reunidos no VII Encontro Nacional  das Escolas de Formação e Aperfeiçoamento de Vigilantes - VII ENEFAV que prossegue até hoje ,em Salvador, no Gran Hotel Stella Maris Urban  . Durante a instalação dos trabalhos na tarde de ontem diversos representantes de instituições públicas e do segmento usaram da palavra para saudar os presentes , entre eles o presidente do Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado da Bahia - Sindesp-Ba , Paulo Roberto da Cruz Azevedo que destacou a importância do evento que busca discutir as melhores técnicas para  qualificar o agente de segurança privada, e também contribuir cada vez mais na sua formação como individuo que cuida da segurança do cidadão e de seu patrimônio. 
alt
Presidente da ABCFA, Ricardo Tadeu  explica a
importância do encontro para a segurança privada.
Para presidente da Associação Brasileira de Cursos de Formação e Aperfeiçoamento de Vigilantes -ABCFAV ,Ricardo Tadeu Corrêa o setor de segurança privada é um dos que mais emprega no Brasil e contribui em muito com a segurança da sociedade  em parceria com os agentes de segurança pública. Adiantou que estão na expectativa de uma nova regulamentação do setor . "Este evento conta até agora com representantes de 17 estados d Federação e de 36 escolas".
alt
O empresário Sílvio Oliveira um dos organizadores
locais do evento saudando os presentes.
 
O empresário Sílvio Oliveira, da Escola Baiana de Formação de Vigilantes, que funciona em Salvador, e foi um dos responsáveis pela organização do encontro disse que na Bahia mensalmente são formados cerca de 250 agentes de segurança privada e destacou a importância do evento para todos os presentes que estão aprofundando em busca de soluções para assuntos  que eles se deparam no dia a dia de sua atividade procurando novas formas de qualificação do vigilante."
 


                                           
                                   IMPORTÂNCIA DA SEGURANÇA PRIVADA
 
alt
Delegada da PF, Rosilene Gleice Duarte Santiago
 proferindo sua palestra no encontro.
A primeira palestra foi proferida pela delegada da Polícia Federal, Rosilene Gleice Duarte Santiago que deu uma verdadeira aula sobre segurança, seus conceitos, sua dinâmica mostrando que sempre foi uma busca incessante de toda sociedade  por segurança. Disse que "segurança é uma necessidade básica de qualquer sociedade organizada, e que a segurança privada vem complementar a pública. Destacou a parceria que existe , além da fiscalização e controle que são de responsabilidade da Polícia Federal.
alt
 
Também, esteve presente o senador eleito por São Paulo com mais de 9 milhões de votos, o major Olímpio, do PSL. Falando no evento ele ressaltou a sinergia que existe entre a segurança pública e a privada, e que a busca da melhoria da preparação e formação do agente privado vem beneficiar diretamente  o cidadão e seu patrimônio. Falou que existe no Congresso Nacional um projeto em final de tramitação visando adequar os currículos das escolas de formação de vigilantes a nível nacional. ( Foto ao lado).
Já o presidente do Sindivigilantes, José Boaventura disse ser importante esta busca da melhoria da formação do  profissional do vigilante, e também deve focar na formação deste homem como cidadão. Para ele a reciclagem que é feita de dois em dois anos é uma forma eficiente de buscarmos um agente privado cada vez mais qualificado e consciente de suas responsabilidades.
 
 
 
 
 
 
25 de outubro de 2018
 

ESCOLAS DE VIGILANTES DE TODO O PAÍS TERÃO ENCONTRO EM SALVADOR

 
Empresários e especialistas em segurança privada estarão reunidos em Salvador de 24 a 26 deste mês no VII Encontro Nacional das Escolas de Formação e Aperfeiçoamento de Vigilantes , no Grande Hotel Stella Maris Urban , Resort & Conventions quando serão discutidos vários assuntos ligados ao setor. Este encontro reveste-se de maior importância diante da violência que vive o nosso país, e especialmente  o setor bancário que vem sendo alvo de constantes ataques .
O empresário Silvio Oliveira , da Escola Baiana de Formação de Vigilantes, disse que na Bahia existem várias escolas de formação de vigilantes, porém, apenas duas que funcionam em Salvador estão sindicalizadas. Ele estima que mensalmente mais de 250 profissionais da segurança são formados nestas escolas.

AS PALESTRAS

  Caberá à dra. Rosilene Gleice Duarte Santiago, proferir  a palestra de abertura do encontro no dia 24, às 17 horas,  falando do "O Papel das Escolas de Formação e Aperfeiçoamento de Vigilantes e da Polícia Federal no Desenvolvimento da Segurança Pública".

O evento continua no dia 25, às 9 horas, com a palestra de Ricardo Tadeu Corrêa , presidente da ABCFAV sobre "Números e Representatividade do Setor de Formação". Em seguida , às 10h20 o Tenente Coronel do Exército, Valdir Campoi Júnior falará sobre "Certificado de Registro e Processos de Aquisição de Petrechos, Armas e Munições".
Também, é muito aguardado um painel sobre  "O Futuro da Vigilância" que contará com os debatedores Ruben Schechter, Presidente da Associação Brasileira de Transportes de Valores (ABTV); José Jacobson Neto, Presidente da Associação Brasileira das Empresas de Vigilância e Segurança (ABREVIS); e Jeferson Furlan Nazário, Presidente da Federação Nacional das Empresas de Segurança e Transporte de Valores, tendo como mediador Paulo Cruz Azevedo , Presidente do Sindicato das Empresas de Segurança Privada da Bahia - Sindesp-Ba.
Ainda no dia 25, a partir das 14h30  caberá ao palestrante Clóvis Batista de Oliveira Filho, falar sobre "Desafios Relacionados à Saúde Ocupacional Frente aos Requesitos do E-Social". Já às 16 horas o palestrante será o advogado Victor Jorge sobre "Visão Estratégica do Estatuto da Segurança Aplicada aos Centros de Formação".
No dia 26, os trabalhos serão reiniciados às 9 horas com a palestra do consultor Sênior de Segurança Empresarial , Marcy J.C.Verde  sobre "A Expectativa do Cliente Final do Serviço de Vigilância." Caberá ao empresário baiano Odair Conceição , Vice-Presidente da Federação Nacional das Empresas de Segurança e Transporte de Valores - FENAVIST,  encerrar a série de palestras falando  sobre "Segurança Privada nas Penitenciárias".".



Notícia veiculada no jornal A TARDE - 11.102018
img e6613


16 de outubro de 2018
   

Página 1 de 55

Busca no site