Text Size
   

A nossa história

Oriundo da ABEPS – Associação Baiana de Empresas de Prestação de Serviços, o SINDESP-BA, foi criado em 31 de agosto de 1992, com a denominação de SINDESVT.
Em 27 de junho de 1994, uma assembléia geral extraordinária feita para atender às orientações da Fenavist, alterou o nome do sindicato para SINDESP-BA – Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado da Bahia.

O seu primeiro presidente foi o empresário Cláudio da Silva Neves. Em 31 de agosto de 1996, assumiu a presidência, o senhor José Santos de Góis permanecendo no mandato até o ano de 1999. Nesse mesmo ano, a presidência do SINDESP-BA passou para o empresário Odair de Jesus Conceição, que ocupou o cargo até março de 2003. De 2003 a 2006, o empresário Fábio de Oliveira Rezende, presidiu o SINDESP-BA tendo sido substituido no mandato de 2007 à 2010 pelo Sr. Odair de Jesus Conceição.
Com suas ações voltadas, não somente para às suas associadas, o SINDESP-BA, tornou-se uma referência no segmento em todo o Estado e impulsionado pelo propósito de representar esse segmento, tem buscado inovar na qualidade dos serviços prestados.
Atualmente o presidente é o empresário Lauro Santana Silva, que exercerá o mandato no período de 2010 à 2014". O SINDESP-BA desenvolve, de acordo com prerrogativas constitucionais, diversas atividades no trabalho de representação sindical, como:
Interceder junto a autoridades regionais na busca de soluções e entendimentos com base nos interesses e direitos das suas filiadas no Estado; Responsabilizar-se pela negociação de Acordo e de Convenções Coletivas de Trabalho; Auxiliar na resolução de possíveis conflitos entre suas associadas e sindicatos laborais; celebrar convênios e parcerias com sindicatos, entidades, empresas públicas e privadas, entre outros, no intuito de unir forças em assuntos de interesse comum; desenvolver ações junto à Federação Nacional das Empresas de Segurança e Transporte de Valores – FENAVIST, em prol das suas associadas; Promover ações judiciais contra leis, decretos e determinações de órgãos que prejudiquem às suas filiadas; promover cursos, palestras e demais eventos do setor, em seu auditório ou externamente, com custo reduzido para suas associadas; promover assessorias jurídica e de imprensa (preliminares) às suas associadas; Promover eventos em datas festivas, visando confraternizar empresários e representantes de suas associadas.

Busca no site